Blog de Samuel Filho

CONVERSANDO SOBRE DIABETES (3)

Posted on: 15 de setembro de 2011


A previsão do doutor José Gualhardo não foi exata, mas chegou próxima do tempo fixado, depende da dieta de cada um. Dieta é algo subjetivo, embora a morte esteja diretamente ligada à boca. Um ditado popular: ” A gente morre pela boca”.

Com 8 anos tomando hipoglicemiantes orais, sem obedecer à dieta espartana dos especialistas, mas usando adoçantes cancerígenos, segundo os oncologistas,  a unha do polegar  direito fica roxa, repentinamente. Os amigos com medo me metem medo, o velho e traumático medo da morte; ” Senhor, livrai-me do trauma da morte”

Sem plano de saúde, decidi pagar uma consulta para uma endocrinologista. Não dava para esperar pelas filas do desmoralizado SUS. Esqueci o  nome dela.  Recomendou que procurasse uma clínica. Como ? Liso, vivendo do salário de jornalista, licenciado no INSS . No mesmo dia à noite, minha cunhada Gracinha, enfermeira, ajudou e  me  internou na Clínica Santa Therezinha. À noite, um cirurgião somente disse:” Gracinha, por que você deixou ficar assim?”. Acrescentou:  ” O senhor vai ter de aguentar sem anestesia, o dedo tá  um abcesso”. Tirou o coro podre e fez curativo. O dedo ficou só um osso. em carne viva.  

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Meu Twitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

%d blogueiros gostam disto: